Intervenção Federal

Em decorrência da terceira fase operação ‘Transparência”, realizada em dezembro do ano passado, pelo Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), por meio do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Grupo de Atuação Especial de Inteligência e Segurança Institucional (GSI) e o Núcleo de Combate à Improbidade e à Corrupção (NCIC), em conjunto com a Promotoria de Defesa do Patrimônio Público e da Moralidade Belém, o Conselho Regional de Farmácia do Pará (CRF-PA) sofreu intervenção federal, devido as acusações que pesam contra o então presidente Daniel Jackson Pinheiro Costa. Com a intervenção o CRF-Pa passa a ser administrado por uma Diretoria Interventora Provisória.

Apuração do MPPA resulta em intervenção federal no Conselho Regional de Farmácia

Sacolas plásticas

Na última sexta (5), o Ministério Público do Pará (MPPA), por meio dos promotores de Justiça do Consumidor, Frederico Antônio Lima de Oliveira e Joana Chagas Coutinho, reuniram com representantes da Associação Paraense de Supermercados (Aspas) e do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). O foco do encontro foi a Lei 8.902/19, que dispõe sobre a proibição de sacolas plásticas utilizadas em estabelecimentos comerciais em todo o Estado.

Instituições discutem a proibição do uso de sacolas plásticas

Vagas de Emprego

A MRN – Mineração Rio do Norte, é um dos maiores produtores brasileiros de bauxita, matéria-prima do alumínio. Uma empresa constituída por uma associação de empresas nacionais e estrangeiras que, desde 1979, opera em plena Amazônia, no oeste do estado do Pará. Atualmente, a empresa contrata líder de engenharia e líder de geotecnia. As oportunidas são para atuar na cidade de Oriximiná, no Pará ou na modalidade home office.

Mineração Rio do Norte contrata profissionais para poderem atuar no estado do Pará e em home office