Em meio ao desespero, Prefeito de Parintins – AM decidiu comprar usina de oxigênio da Alemanha

A decisão de compra da usina de oxigênio da Alemanha por parte do Prefeito de Parintins – AM partiu do pressuposto do aumento repentino dos cilindros de oxigênio e da ausência do mesmo no território brasileiro.

Prefeito anuncia medidas emergências e compra da usina de oxigênio da Alemanha

“O hospital está colapsado”. Este foi o alerta do prefeito de Parintins, Bi Garcia, ao falar sobre o hospital Jofre Cohen, referência no atendimento de casos da Covid-19 em Parintins. Na noite desta quinta-feira, 14, ele esteve na unidade de saúde e anunciou medidas emergenciais para o combate ao avanço da doença no município e uma delas foi a compra de uma usina de oxigênio vinda da Alemanha.

Bi Garcia esteve reunindo com o secretário de saúde de Parintins, Clerton Rodrigues, o presidente da Câmara de Parintins, Mateus Assayag e o vereador Telo Pinto. A principal pauta do encontro foi a definição de ações urgentes para atender os pacientes internados nos hospitais do município, que enfrenta uma segunda onda com aumento expressivo de casos.

A nova usina atenderá 80 leitos simultaneamente

O prefeito de Parintins, Bi Garcia (DEM), comprou na Alemanha uma usina de oxigênio com capacidade para atender 80 leitos simultaneamente. O equipamento está sendo transportado numa operação aérea e deve chegar ao município dentro de 48 horas para ser instalado no Hospital Jofre Cohen, exclusivo para pacientes de Covid-19.

Na quinta-feira (14), quando o oxigênio chegou ao limite mínimo na unidade hospitalar, a Prefeitura recebeu doação de 24 cilindros do gás, de empresários locais. Hoje já foi iniciada a operação especial de transporte de mais 45 cilindros de 50m3 de oxigênio medicinal.

Click Petróleo e Gás