Operação PF

PF combate esquema de fraudes contra o sistema previdenciário em MT

A Polícia Federal deflagrou nesta manhã (9/2) a “Operação Impostore”, que investiga fraudes contra o sistema previdenciário. A ação conta com a participação de 25 policiais federais que cumprem um mandado de prisão e três de busca e apreensão. Os mandados estão sendo cumpridos nas cidades de Várzea Grande e Cuiabá/MT e foram expedidos pela Justiça Federal de Rondonóplis/MT e de Campo Grande/MS.

Operação Impostore desarticula esquema de fraudes, por meio do qual criminosos falsificavam documentos e realizavam perícias em nome de terceiros.

Cuiabá/MT – A Polícia Federal deflagrou nesta manhã (9/2) a “Operação Impostore”, que investiga fraudes contra o sistema previdenciário. A ação conta com a participação de 25 policiais federais que cumprem um mandado de prisão e três de busca e apreensão. Os mandados estão sendo cumpridos nas cidades de Várzea Grande e Cuiabá/MT e foram expedidos pela Justiça Federal de Rondonóplis/MT e de Campo Grande/MS.

 A investigação conduzida pela Polícia Federal em Rondonópolis/MT e Campo Grande/MS levou à identificação de um esquema de fraudes, por meio do qual os criminosos falsificavam documentos e realizavam perícias em nome de terceiros. Nas investigações foram apreendidos atestados médicos falsos, radiografias e materiais utilizados para simular engessamento dos braços, além de CNHs falsificadas.

Os envolvidos responderão por diversos crimes, como estelionato previdenciário, uso de documento falso, falsidade ideológica e associação criminosa.

Comunicação Social da Polícia Federal em Mato Grosso

Opinião

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.